Prefeitura da Estância Turística de Salto

Notícias em destaque

06/11/2018 - CONIRP REALIZA AMOSTRAGEM DE ÁGUA PARA ANALISE DO MANANCIAL NA REGIÃO DA FUTURA BARRAGEM DO RIO PIRAI

A barragem do Ribeirão Piraí será construída na divisa dos municípios de Itu e Salto. CONIRP REALIZA AMOSTRAGEM DE ÁGUA PARA ANALISE DO MANANCIAL NA REGIÃO DA FUTURA BARRAGEM DO RIO PIRAI

01/11/2018 - Assembleia geral ordinária do CONIRP aconteceu no Museu da Água em Indaiatuba

Participaram da assembleia representantes das quatro cidades que compõe o consórcio Assembleia geral ordinária do CONIRP aconteceu no Museu da Água em Indaiatuba

22/08/2018 - Encontrado material de interesse Histórico na Região da futura barragem do Piraí

O grupo de arqueólogos da VEC Engenharia e Gestão Ltda, durante o trabalho de coleta de amostras realizado Encontrado material de interesse Histórico na Região da futura barragem do Piraí

26/07/2018 - Equipe do Consórcio PCJ participa da Assembleia Geral do CONIRPI e visita Barragem no Capivari-Mirim

O grupo pode conferir o reservatório, e a finalização das obras que transformarão a área em seu entorno num Parque Ecológico. Equipe do Consórcio PCJ participa da Assembleia Geral do CONIRPI e visita Barragem no Capivari-Mirim

Notícias

24/04/2017 (Voltar ao Índice)

PREFEITO DE INDAIATUBA NILSON GASPAR VAI A BRASÍLIA SOLICITAR LIBERAÇÃO DO RECURSO PARA A BARRAGEM DO RIBEIRÃO PIRAÍ

O prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar esteve em Brasília na quarta-feira (19) para pleitear recursos para Indaiatuba. Entre os pedidos estava a liberação da verba de R$ 40 milhões para a construção da barragem do Consórcio Intermunicipal do Ribeirão Piraí e a complementação de R$ 1 milhão nos repasses mensais à Saúde.

No roteiro da viagem estiveram os ministérios de Planejamento, Saúde e Justiça. Apesar dos cortes de recursos anunciados recentemente pela União, o prefeito considerou as reuniões bastante produtivas e já anunciou que deve voltar à Brasília nos próximos dias para dar continuidade aos processos. “Também me reuni com deputados que estiveram aqui em Indaiatuba pedindo votos na época de campanha e agora é minha vez de cobrar os votos que eles tiveram, trazendo recursos para a cidade”, explicou.

Em reunião no Ministério de Planejamento o prefeito solicitou a liberação de R$ 40 milhões de recursos de emenda do deputado federal Herculano Passos, para a construção da barragem do Ribeirão Piraí. O deputado e o prefeito de Salto, Geraldo Garcia, também participaram do encontro”, explicou.

Gaspar enfatizou que como presidente do Consórcio Intermunicipal do Ribeirão Piraí quer tirar o projeto da barragem do papel, aproveitando a expertise que Indaiatuba já tem com a construção da barragem do Mirim. “Já avançamos nas licenças ambientais e os projetos estão bem adiantados. Esse recurso é fundamental para concretizar a barragem, que vai garantir abastecimento de água para mais de 600 mil pessoas, somando a população das quatro cidades envolvidas (Indaiatuba, Salto, Itu e Cabreúva)”, completou.

No Ministério da Saúde o prefeito pediu a liberação de um complemento dos recursos destinado à Saúde no valor de R$ 1 milhão. “Esse valor já era para ser depositado mensalmente nos cofres do município há mais de um ano, mas isso não está acontecendo por conta dos cortes feitos pelo Governo Federal em todas as áreas. Já comprovamos que houve um aumento na demanda pelo serviço público de Saúde no município e agora precisamos da liberação desses recursos para atendermos essa demanda”, avisou. “Indaiatuba recebe muita gente de fora em busca de atendimento em nossos serviços de Saúde e isso acaba comprometendo nosso trabalho. Para se ter uma ideia, dos 90 mil atendimentos mensais realizados no município, cerca de 30 mil são pacientes que vêm de outras cidades da região e até de outros estados. Não podemos negar atendimento porque faz parte do Sistema Único de Saúde, mas isso compromete nossa busca pela excelência nos serviços prestados à população”, justificou.

O prefeito também esteve no Ministério da Justiça para pleitear a liberação dos recursos do convênio de R$ 2.805.051,00 para modernização da Guarda Civil. O Ministério da Justiça já fez o repasse da verba a Fundo Perdido em janeiro deste ano, mas o município aguarda o aval da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública) para iniciar as licitações para a compra dos equipamentos e veículos, que integram o convênio.

Como as reuniões foram feitas com equipes técnicas dos ministérios, o prefeito deve voltar à Brasília nos próximos dias para dar andamento aos processos diretamente com os ministros.